JCast #148

Rant: Lanterna Verde, Hollywood e Mulher Maravilha
Review: Makoto Shinkai, She and Her Cat e Voices of a Distant Star
Review: 5 Centimenter Per Second

Participantes: Darkonix, Laivindil e Dri Sweetpepper

O mundo às vezes vira as costas pra você. Você começa a semana com o pé esquerdo. Não conseguiu ingresso pro Show da Britney, perdeu o VMA, descobriu que o Gerard Depardieu mijou no meio de um avião e você não estava lá pra pegar algumas gotinhas pra guardar de souvenir. Imagina, poder clonar o narigudo e ter seu próprio Bogus, o amigo imaginário. É, mas você não tem essa sorte. Você nem conseguiu convite pro Pottermore, não sabe o que fazer com o Google +, passa os dias reblogando imagens vintage depressivas no Tumblr. Já preencheu todas as correntes do Facebook e já repassou pra todos os amigos, percebendo assim que nem tem tantos amigos, pra começo de conversa. Quer ver a nova série da Sarah Michelle Gellar mas sabe que vai demorar muito ainda, não pôde ouvir a Katy Perry dublando a Smurfette, é Team Eric mas sabe que mais cedo ou mais tarde a Sookie volta pro Bill. Ou seja, não há esperança no horizonte. Sabe o recado que nós do JCast temos pra você? Não há mesmo, a única saída é ir vivendo até morrer, e pra amenizar um pouco isso pode ouvir nosso podcast e perceber que tem gente bem pior que você. “Use a inveja reversa a seu favor” Eustéquio 25:2. Não existe esse livro na bíblia. Esse versículo foi inventado.

(00:00:49-00:28:54) Rant: Lanterna Verde, Hollywood e Mulher Maravilha

No dia mais claro, na Noite mais Densa, o Filme do Lanterna não é tão ruim quanto você pensa. Versinho patético, alguém já deve ter feito, mas como já dizia o Rouge, não dá pra resistir. Pra quem não sabe, existem lanternas de várias cores, embora no filme vejamos apenas os verdes, além de um breve vislumbre dos amarelos. Espero ansioso pra ver a Tropa Fúcsia. Agora todos correm pro google pra checar A) que cor é esse e B) se realmente existe uma tropa que a represente. Eu mesmo fiz isso, já que não sabia a cor e apenas usei o nome devido a seu potencial jocoso. Me deparo com o velho e bom magenta e minha piada vai pro saco, já que é a cor das Safiras Estrelas.

Trilha: Kyary Pamyu Pamyu – Moshi Moshi Harajuku

(00:30:07-0:59:15) Review: Makoto Shinkai, She and Her Cat e Voices of a Distant Star

Makoto Shinkai finalmente é reconhecido pelo JCast. Dedicamos um episódio todo pra ele, mas antes que comecem a bocejar, saibam que seus dois trabalhos mencionados aqui são bem curtinhos. Nosso review de She and her Cat é maior que o curta em si, o que é um absurdo. Ainda assim pode ser útil. Você não quer perder 5 valiosos minutos da sua vida com algo ruim. Melhor ouvir uma análise de meia hora antes, pra convencer. Ah e quem for fonoaudiólogo por favor nos contate. Não conseguimos falar rápido e encaixar frases em inglês no meio do discurso sem gaguejar, babar e substituir a frase por uma tradução besta.

Trilha: Byosoku 5 Centimeters OST

(00:59:50-1:20:36) Review: 5 Centimenter Per Second

Esse movie é maior, tem uma equipe pra valer, ao invés de ter sido feito todo pelo Shinkai, e ainda assim consegue ser tão estranho quanto os outros. Até quando o cara vai manter essa integridade narrativa intacta? Deixará se corromper pelo sucesso e pelo dinheiro? Essas perguntas poderão ser respondidas no futuro. Por enquanto ouça o review e veja o filme, e depois dê uma ligadinha pra aquele parente que você não vê há tempos. Pra sua tia que tá no asilo. Pra seu primeiro casinho de infância. “Você é responsável por aqueles que se tornaram emos depois que te conheceram”. Acho que li a frase em “O Pequeno Príncipe”.

Trilha: Byosoku 5 Centimeters OST

Então, né, gente, mandem emails para [email protected], e até semana que vem!

JCast #147

Rant: Capitão América, Super, Smurfs e mais
Review: Gosenzosama Banbanzai!

Participantes: Darkonix e Laivindil

A gente atrasa mas aparece. Mundo real é fogo mesmo. E eu não vou ficar pedindo desculpas de novo na introdução. Acontece, lidem com isso. Mesmo que depois de uma semana sem Jcast, a gente entregue um episódio no mínimo mais… enxuto. Curtinho, o tempo de você comer um Club Social recheado com tomate seco. Plim Plim, ainda não estamos sendo patrocinados mas FIK DIK. A gente anuncia até armarinho de bairro, só não garantimos retorno porque todo mundo sabe que publicidade online não funciona de verdade. Os outros blogs só conseguem vender espaço através de lábia. Se o JCast fosse relevante estaríamos agora destruindo todo um novo paradigma que outros lutam com todas as forças pra manter. De volta à idade da pedra e desconfiança do potencial online, quando a internet era esse brinquedinho novo e indispensável, mas que não sugeria nenhuma forma óbvia e fácil de gerar receita. Espera aí. Isso acontece agora. O passado é agora. E o futuro jamais chegará, pois a raça humana vive de promessas. O dia que as promessas forem cumpridas, nós não mais poderemos ter esperança. E não, eu não me importo com quem morreu na novela, muito menos em quem matou. A Globo usa esse mesmo truque todo ano. E diziam que novela mexicana tinha a mesma história sempre. Claro.

(00:00:45-00:26:20) Rant: Capitão América, Super, Smurfs e mais

Ninguém gosta do Capitão América. Ele tem América no nome, mas não representa os sul-americanos. Talvez em parte, nós éramos aliados. Mas não tem nem um verdinho naquele uniforme. Sem contar que esse filme faz apologia a anabolizantes. Não tem como o Chris Evans ter ficado tão forte assim. Tão assustador quanto o carinha que de Shark Boy em um dia virou o Jacob no outro. Geneticamente impossível. E na batalha Super vs. Kick Ass, perguntamos: quem é mais “doable”, Chloe Moretz ou Ellen Page? Os prós e contras são bem nebulosos. Okay, uma é legal age e isso deveria ser o argumento vitorioso. Mas não é.

Trilha: PERSONA MUSIC LIVE BAND

(00:27:02-0:58:58) Review: Gosenzosama Banbanzai!

OVA super obscuro à vista. Ou então todo mundo conhece, passa na Tv Globinho, e só os idiotas aqui estão ocupados demais se achando cult que não perceberam. Até segunda ordem então, essa produção de Mamoru Oshii é quase confidencial. Pra você saber que existe precisa atravessar um labirinto, derrotar um Fauno no Strip Pôquer e resolver três enigmas feitos por irmâs siamesas sereias. Enquanto elas transam com um Leprechaun. Claro que sempre existe o atalho secreto, e esse atalho somos nós. Baixe rápido antes que nos descubram e sejamos obrigados a sofrer mil formas diferentes de punição em mundos inóspitos. Lugares de sofrimento, aonde as pessoas são reprimidas sexualmente e tudo que é gostoso é proibido. Se parece muito com o Brasil, na verdade.

Trilha: Gosenzosama Banbanzai OST

Então, né, gente, mandem emails para [email protected], e até semana que vem!

JCast #146

Rant: Orgulho Hétero e Dawkins Misógino
Papers: Parapara, Techpara e Diamond 7
Review: Karigurashi no Arrietty

Participantes: Darkonix, Laivindil, Yohan e Dychan

Aqui estamos nós de novo. Demoramos outra vez por conta de prioridades. Enquanto uns se mantêm atualizados com os memes mais quentes do momento, ou seja, aqueles endossados pelos Biebers e Rihannas da vida, como Owling, Planking, Cone-ing e Horsemaning, outros pensam em formas cada vez mais irracionais de se manterem ativos sexualmente. Podcasting que é bom, nada. Até um certo ponto. A gente ama isso aqui, bem mais que vocês. “Ama” não né. É mais um relacionamento doentio e co-dependente. Seja como for, agora já era. Programa gravado, editado, upado e em breve escutado. Penetramos em sua mente e simplesmente não dá pra se livrar.

(00:00:45-00:33:10) Rant: Orgulho Hétero e Dawkins Misógino

Os participantes desse bloco gostam de reclamar. Não há outra explicação. Se estiver ouvindo e sentir que teve um deja vu, você está errado. Não é a sensação de já ter ouvido isso antes. Você de fato está escutando uma discussão requentada. Ou talvez não, mas é que estamos sempre tão revoltados com o status quo que já ficou chato. Temos certeza de que você deve apenas processar 40 minutos de “mimimimimimi” ou “bla bla bla”, ao melhor estilo professora do Charlie Brown.

Skepchick – The Privilege Delusion (texto sobre o caso do Dawkins)

Trilha: Usotsuki Barbie – Ni Ni Ni Ni

(00:34:13-1:18:24) Papers: Parapara, Techpara e Diamond 7

Dy-chan retorna mais uma vez ao lar para falar de uma de suas especialidades. Não estamos falando de discussões legais (legal de advogado suado, não de maneiro) nem muito menos de suas habilidades malabarísticas com a língua japonesa. Dessa vez conversamos sobre Parapara, aquela dança japonesa que você já viu, já fez “Meh”, mas agora vai passar a curtir pois nós estamos assinando embaixo. E se você não gostar é homofóbico e nós te processaremos. Esse bloco todo, no fim das contas, é só um grande jabá pra Diamond 7. Vamos ser sinceros e tirar isso do caminho. Lá vai.

Página da DIAMOND7 no Facebook
Página do evento no Facebook

D7 DVDs:
ZONA-1
ZONA-2

Edições Anteriores (ALERTA LOLI pro segundo vídeo):

(01:19:06-1:53:23) Review: Karigurashi no Arrietty

Novo filme do Ghibli, deveras recente mas ainda longe de ter um lançamento oficial ocidental. Não dá pra esperar, sorry. Mas somos críticos especializados, é como se tivéssemos acesso a um tipo de cabine de imprensa. A gente pode ver antes. É lógico que você vai esperar até o ano que vem pra ver a versão da Disney. Só não espere tanto pra ouvir o review, não tem spoiler aqui. Digo, é um Ghibli, então não espere grandes violências gráficas. E não assista The Borrowers antes, o filme gringo de 1997. Ver o Tom Felton pirralho pode até ser uma experiência curiosa, mas o filme tem John Goodman demais. Tirando Flintstones, tudo com muito John Goodman faz mal pra saúde. John Goodman e Rosie O’Donnel então… overdose. Por associação de palavras eu recomendaria Ellen DeGeneres pra recuperação. E vou parar antes que eu saia muito do tópico inicial.

Trilha: Cécile Corbel – Kari-gurashi

AVISO: Pra acertar o cronograma e aliviar nossas conturbadas vidas do peso de entregar esse podcast que vocês todos amam por alguns dias, o próximo JCast não sairá semana que vem. Ou melhor, sairá: mas ao invés de sair ás quartas, como tem saído, sairá no fim de semana, para reestabelecer o status quo. Pra quem ficou confuso: o próximo JCast sai dia 20/21 de Agosto, daqui a 10/11 dias. Certo? certo.

Então, né, gente, mandem emails para [email protected], e até semana que vem!

JCast #145

Rant: Harry Potter 7.2 e Ação Magazine
Preview: Temporada de Verão 2011 – Parte 2

Participantes: Darkonix, Laivindil e Yohan

Como assim você ainda não viu o filme novo do Puff? É, o ursinho, que agora chamam de Pooh. Faça isso, tipo assim, agora. Pronto? Muito bem, então bem vindo ao… aonde você vai? Ah ok, você pode interromper a introdução dessa semana pra buscar sorvete. Eu deixo. É quase obrigatório mesmo. Mas então, curtiu a trilha da Fernandinha Takai? Esse sim vale a pena ver dublado né? Mesmo não podendo apreciar o Craig Ferguson dublando a coruja. Ninguém nunca lembra o nome dela. A gente sempre esquece que todo aquele mundo é esquizofrenia do Christopher Robin. Isso é bem perturbador. Sempre esqueço também que todos ali são brinquedos de pelúcia. Você se lembra da pior forma possível, naquela parte em que o Pooh tem seu enchimento jogado pra fora. Temática pesada pras criancinhas e depois dizem que desenhos ocidentais são puritanos demais. Bem, sorvete em mãos? Ok, esse é mais um JCast, finalizando nosso preview de… brigadeiro? Até gosto, mas não da Nestlé.

(00:01:06-00:35:36) Rant: Harry Potter 7.2 e Ação Magazine

Harry Potter acabou, pelo menos por enquanto. Alguém duvida que os editores estejam nesse momento jogando pedras na janela da JK Rowling, implorando por qualquer coisa sua que seja escrita e contenha o nome “Harry Potter” na capa? Eu estaria fazendo isso, mantenha a grana entrando. Tomara que não façam mais nada, no entanto. As coisas precisam acabar. Sem contar que daqui há uns 50 anos os filmes serão muitos toscos e eles farão remakes. E nós poderemos apresentar a nova versão desses filmes para nossos netos. Mais um motivo pra estar vivo, além de Doctor Who. Ah, e criticamos a Ação Magazine. Mas por favor, ignorem isso completamente e comentem única e exclusivamente sobre o preview. Lhes imploramos.

Trilha: Black Snake Moan OST

(00:37:07-1:58:58) Preview: Temporada de Verão 2011 – Parte 2

Segunda parte do preview e acabamos com ele. Tudo que você precisa saber para definir de vez o que acompanhar nesse verão japonês está aqui. Se não tiver nada, mas nadinha de nada, você é um chato. Você gosta de filme cult, em preto e branco, com gente conversando e fumando por 3 horas e crianças nuas fazendo sexo com animais. Mas como somente os JCasters gostam de produtos assim, temos certeza de que encontrarão algo de seu agrado em nosso menu. Não tomem cuidado se gostarem de tudo. Ninguém tão eclético assim pode terminar bem. Deixem essa ciência perigosa de consumir tudo para os profissionais sem vida pessoal. Sem julgamento, não estou apontando dedos nem citando nomes.

Comentados nessa edição:

Morita-san wa Mukuchi
Kami-sama no Memo-chou
Nyanpire The Animation
No. 6
Mayo Chiki!
Yuruyuri
Mawaru PenguinDrum
Nekogami Yaoyorozu
R-15
Manyuu Hikenchou
Dantalian no Shoka

Trilha: Sambomaster – Kyukyoku Best

Então, né, gente, mandem emails para [email protected], e até semana que vem!

JCast #144

Rant: Copa sei-lá-do-que de Futebol Feminino, Apedrejamento, Amy Whinehouse e Torchwood
Preview: Temporada de Verão 2011 – Parte 1

Participantes: Darkonix, Laivindil e Yohan

Como dizia Kátia Cega: “Não está sendo fácil”. Atrasinho de leve essa semana, mas ninguém nem reparou. Todos têm vidas ocupadas. Roupa pra lavar, cocô do cachorro pra tirar, Harry Potter 7.2 pra assistir. Coisas vitais. É, estou sendo jocoso, tirar o cocô não é tão vital. De todo modo lá vai o JCast pra alegrar seu dia do sanduíche. Talvez a gente demore menos pro próximo, ou então embarcaremos de vez na Anglofilia, uma das poucas filias que felizmente não é ilegal, e lançaremos três episódios por ano. Mais um especial de natal. Sim, vou anotar essa sugestão no já abarrotado caderninho de “conceitos pra podcast muito mais legais do que o utilizado por nós”. Logo abaixo do podcast para surdos, como a participação do intérprete da Marlee Matlin.

(00:00:44-00:21:05) Rant: Copa sei-lá-do-que de Futebol Feminino, Apedrejamento, Amy Whinehouse e Torchwood

Então, é… futebol? Zzzzzz. Ahn, hein, oi? Ah claro, fute… zzzzzz… Oi, oi, desculpa. Umas mulheres aí correndo atrás de bolas. Sim, como toda a raça feminina (beijão, mulheres, levem na esportiva, eu preciso fazer piada aqui, e nada mais fácil que utilizar a ofensa) mas nesse caso com repercussões extremas. Americanos querendo que a fúria da natureza caia novamente no Japão. Pois todos sabem o trauma que Pearl Harbor causou na Gringolândia. Nada mais nasceu naquele trecho de mar, vida marinha permamentemente prejudicada, pessoas com mutações genéticas bizarras e o Godzilla americano. E por falar em americanos, a nova temporada de Torchwood não é tão americanizada assim. E não vou gastar muita lábia pra vender esse peixe. A maioria das ouvintes é fujoshi mesmo, então é só garantir que tem Man x Man Action.

Trilha: Sondre Lerche – Phantom Punch

(00:21:40-1:59:09) Preview: Temporada de Verão 2011 – Parte 1

Nossas opiniões de começo da temporada de verão são exclusivas. Claro, pois só nós temos nossa opinião. Não que isso seja grande coisa, mas em terra de Cláudia quem tem cadeira é rei. Tudo bem que a temporada tá avançadinha, mas antes tarde do que nunca. Então podem ficar tranquilos. Sabemos que ninguém aqui tem opinião própria e espera ouvir a nossa pra decidir o que assistir. Mas como a gente gosta de tudo, então todos se tornam maníacos por informação. Como essa temporada tem anime demais, recomendo não ouvir esse episódio do JCast. Finja que o Japão faliu. Foi vendido pra China. Não produzem mais anime, somente pastel e barata no palito. A nova onda agora é a Finlândia. Esse é o país backup da nossa former JCaster Otsu, então acho que é uma boa passar adiante. Então vai ouvir The Rasmus e ignorem a gente. O primeiro que comentar come toda a merda do mundo. E por merda eu digo bosta, não frutas indecisas cobertas com chocolate.

Comentados nessa edição:

Double-J
Blade
Ro-Kyu-Bu!
Usagi Drop
The [email protected]
Blood-C
Uta no Prince-sama Maji Love 1000%
Sacred Seven
Ikoku Meiro no Croisée
Kaitou Tenshi Twin Angel: Kyun Kyun Tokimeki Paradise!!
Itsuka Tenma no Kuro-Usagi
Kamisama Dolls

Trilha: Hajime Hyakkoku – K-On! OST

Então, né, gente, mandem emails para [email protected], e até semana que vem!